Seguro Residencial: motivos para você ter um

Mais barato do que se imagina, um seguro residencial pode também incluir uma série de coberturas importantes

Por causa do simples desconhecimento, que apenas 13% das casas no Brasil são protegidas por esse seguro. Ele cobre ocorrências contra incêndio, queda de raio, explosões e outros acidentes. Por ser muito pouco acionado é bem mais barato do que um seguro auto. Mas, por outro lado, os acidentes em casa causam grandes prejuízos.

A minoria das pessoas têm reserva financeira disponível para suprir suas necessidades se acontecer um imprevisto em casa. Portanto, conheça alguns motivos que confirmam a importância de um seguro residencial como o seu grande aliado.

 

O seguro residencial é bom e barato

Pode ser adquirido por cerca de R$ 200,00/ano. O preço médio não passa de 0,3% do valor de reconstrução do imóvel, o que pode compensar muito em comparação ao prejuízo. O custo-benefício do seguro residencial é muito alto quando comparado ao valor da indenização. O tamanho da casa, a localização e o do tipo de ocupação determinam o valor do seguro. Um corretor de seguros pode ajuda-lo a encontrar o melhor seguro às suas reais necessidades.

 

Chaveiro e eletricista 24 horas

Muito além das coberturas contra incêndio, raio e explosões, o seguro residencial também pode incluir serviços como assistência técnica 24 horas de chaveiro, eletricista e encanador. Ele também pode proteger sua casa de vendavais ou roubo e garantir alguns bens como obras de arte ou jóias.

 

Seguro com indenização personalizada, o que é?

Faça um levantamento de tudo que você tem em casa. Assim, você não deixa de fora algo importante, nem gasta dinheiro desnecessariamente ao escolher as coberturas e o valor das indenizações indicadas no seu seguro residencial. O valor da cobertura definido na apólice é o limite máximo a ser recebido para cada uma das garantias.

 

Seguro residencial de apê é mais barato?

Sim! Um seguro de um apartamento costuma ser mais barato. Os prédios são obrigados a ter um seguro de condomínio. Quem mora em apartamento só vai precisar contratar a cobertura para cobrir danos ocorridos ao imóvel segurado, como móveis e eletrodomésticos.

 

Como funciona a franquia em um seguro residencial?

Ela viabiliza o valor do seguro a exemplo do que acontece com o seguro auto. A franquia reduz o preço do seguro em coberturas especiais. A cobertura básica costuma ser isenta de franquia. A apólice determinará o valor ou percentual que ficará sob responsabilidade do segurado. Caso o prejuízo seja inferior ao valor da franquia, não compensa acionar a seguradora para realizar o conserto.

 

O que fazer em caso de sinistro?

A recomendação é avisar imediatamente a seguradora. Além disso, é preciso informá-la sobre qualquer modificação realizada pelo morador após a ocorrência do sinistro.

 

Entendeu a importância do seguro na sua vida? Achar que um seguro residencial é caro e que não funciona é puro equívoco, pode acreditar!